transportadoraTransportadorastransporte

Exame toxicológico deve ser informado ao Ministério do Trabalho

Conforme previsto na Lei 13.103/2015 (Lei do Motorista) e regulamentado pela Portaria 116 do Ministério do Trabalho, o empregador deve enviar o motorista para exame toxicológico na sua admissão e no seu desligamento.
A partir do mês de agosto, as empresas devem informar no CAGED-Cadastro Geral de Empregados e Desempregados, até o quinto dia útil do mês subsequente à contratação ou ao desligamento.
As informações a serem inseridas são: código do exame toxicológico, data do exame, CNPJ do laboratório, unidade federada e CRM do médico. Uma contabilidade para transportadora oferecida pela Primacy Contabilidade é vital para o sucesso da sua empresa,

Prestamos toda assistência para sua empresa de transporte, orientando como emitir as notas, CTe, e cupons fiscais, como organizar documentos, tratar comissões entre outros. ,

É por esse e outros motivos que a Primacy Contabilidade , é a melhor escolha para realizar a contabilidade da sua transportadora. Fazemos um trabalho transparente e com experiência garantindo o melhor serviço para sua empresa.

QUEM DEVE CUSTEÁ O EXAME?

Os exames são custeados pelas empresas e a regra vale para condutores de veículos de pequeno e médio portes; de ônibus urbanos, metropolitanos e rodoviários; e de cargas em geral. Serão assegurados o direito à contraprova em caso de resultado positivo e à confidencialidade dos resultados dos respectivos exames.

QUAIS CBO DE TRANSPORTADORA E TRANSPORTE DEVE FAZER O EXAME?

AS empresas de transportes de carga e transportadora deve está atentas para as exigências do exame toxicologia para seu quadro de motoristas. Os CBOs abaixo deve está com o exame atualizada:

82505 – caminhoneiro autônomo (rotas regionais e internacionais);

782510 – motorista de caminhão (rotas regionais e internacionais) e

782515 – motorista operacional de guincho.

Nessa, hora uma contabilidade especializada em transportadora e transporte, com uma equipe de departamento pessoal bem atualizada, para acompanhar essa exigência e outras importante para o setor. A Primacy contabilidade é especializada no ramo de transportadora e transporte.

HAVERÁ PENALIDADE PARA AS EMPRESAS?

As empresas começaram a ser notificadas das mudanças no Caged no dia 6 de julho. Os empregadores que não declararem as informações exigidas no Caged ficam inadimplentes com o Ministério do Trabalho e podem sofrer multas previstas em lei.

https://primacycontabilidade.com.br/pagina/contabilidade-para-transportadoras

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *